sexta-feira, 7 de outubro de 2011

o meu amor II

o meu amor saiu e não voltou
recordo que era quase mês de abril
pergunto o que será do meu amor?
me dizem que este inverno vai ser frio
espero que encontre um cobertor
e algum lugar p’ra poder descansar
uma bebida forte por favor
não deixe o meu amor se resfriar
será que ainda sobra algum real?
será que ainda sabe o que fazer?
será que se tornou um marginal?
oh meu amor!
...
me mandou lembranças recebi
envelope carta bem formal
um colar das ilhas Tahiti
uma bandeirinha do Nepal
lá pela Europa adoeceu
se perdeu p’ra os lados do Gabão
diz que até o ópio já comeu
nas montanhas do Afeganistão
o meu amor se perdeu por aí
quem sabe já morreu e eu nem sei
quem sabe já voltou nem percebi
oh meu amor!
...
volte meu amor
quando quiser
só não esqueça de mandar um recadinho
no meu celular
já faz tanto tempo
já troquei as chaves
e o porteiro é novo não sabe quem és
não deixa entrar


2 comentários:

  1. Muito legal, adorei, parabéns, és um poeta dos bons!!

    ResponderExcluir
  2. Começo a te ler. Te decifro? rsrs

    Beijo

    ResponderExcluir